FESTIVAISNOVIDADE

Porão do Rock anuncia nova data e line-up sem Pitty e D2, com Criolo, Joe Silhueta e Dona Cislene

Oito shows foram substituídos; vencedoras das seletivas foram anunciadas

A edição 21 do Porão do Rock que aconteceria em agosto mudou para os dias 25 e 26 de outubro. O local também foi redefinido, agora os shows serão no Estádio Mané Garrincha, na Arena Lounge. O número de atrações se manteve, mas oito tiverem de ser substituídas.

Nervosa, Mad Monkees, Machete Bomb, Demob Happy, Far From Alaska, Pitty e Marcelo D2 foram cancelados, em compensação três bandas locais integram o line-up, são elas Trampa, Dona Cislene e Joe Silhueta. Somadas a Escape The Fate (EUA), Galinha Preta, Never Look Back, Criolo e Marcelo Falcão completam a lista de confirmadas. A Nuclear Assault se apresentou na data agendada, em um evento no Toinha Brasil.

Também foram reveladas as bandas vencedoras das seletivas. Entre as 30 participantes foram selecionadas Imortal Joe, Jambalaia e Mariana Camelo, as três de Brasília. Ao todo serão 24 shows, sendo sete da casa.

Foram mantidos Raimundos, Dead Fish, Edu Falaschi, Ratos de Porão, Project46, MoreTools, Supercombo, Rincon Sapiência, Rumbora, Academia da Berlinda, Surf Sessions e Jimmy & Rats, que antes era na sexta e agora será no sábado.

O Porão sempre aconteceu no segundo semestre, com alterações frequentes no mês de realização. No ano passado foi em setembro, em 2017 novembro e desde 2014 não acontecia em agosto. Neste ano a primeira tentativa de data foi frustrada por questões de local e o evento foi adiado. Esta semana a nova data foi anunciada para outubro como em 2016.

A produção reduziu os valores dos ingressos e fez o reembolso pra quem comprou as datas canceladas. Quem teve problemas no processo pode recorrer ao Sympla ou ao local onde fez a compra.

PORÃO DO ROCK XX ANOS: Confira como foi o primeiro dia do festival

PORÃO DO ROCK XX ANOS: Veja como foi o segundo dia do festival

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Ver mais

Felipe Qualquer

No rádio desde moleque pesquisa o universo da música e escuta de tudo. Em MG atuou nas rádios Minas, Nova e 94FM. Em Brasília passou por Transamérica, Metrópoles e MIX FM. Escreveu para os jornais Gazeta do Oeste e O Popular e Revista ShowBar. Produtor cultural desde 2010 com trabalhos no festival EcoMusic, Rua do Rock, Usina de Rima, Grito Rock, Festa Nacional da Cerveja, Toma Rock, Transamérica Convida, No Setor e Cervejaria Criolina. Estudou comunicação e é graduando em Teoria, Crítica e História da Arte na UnB.

FALA AÊ!

Tem a ver...

Close